Plus e Fortific HF no tratamento de videira

Eng° Agr. Lucas Garrido
Área de Fitopatologia – Embrapa Uva e Vinho
Bento Gonçalves/RS

O míldio da videira, causado por Plasmopara viticola, é uma das mais sérias doenças fúngicas que ocorrem no Sul e Sudeste do Brasil. Perdas econômicas poderão ocorrer caso medidas de controle não sejam adotadas adequadamente. O controle químico é uma das partes importantes no manejo da doença, principalmente em regiões de alta umidade relativa e temperatura elevada.

O trabalho objetivou avaliar o controle do míldio utilizando fungicidas em mistura ou alternado com fertilizantes minerais (Plus® ou Fortific HF®) em relação ao tratamento padrão, em duas épocas de suscetibilidade da planta.  Utilizou-se a cultivar Cabernet Sauvignon conduzida em espaldeira. O experimento foi realizado em um vinhedo da Vinícola Miolo, em Monte Belo do Sul/RS. O delineamento experimental foi em blocos casualizados com 4 repetições e cinco plantas por parcela.

Na safra 2016/2017, o controle do míldio-tardio foi avaliado utilizando os seguintes tratamentos: CopperCrop® 1,0 L.ha-1; CopperCrop® 1,0 L.ha-1 + Plus® 3,0 kg.ha-1; CopperCrop® 1,0 L.ha-1 + Fortific HF® 5,0 L.ha-1; CopperCrop® 1,0 L.ha-1 alternado com Plus® 3,0 kg.ha-1; CopperCrop® 1,0 L.ha-1 alternado com Fortific HF® 5,0 L.ha-1. Já na safra 2017/2018, o controle do míldio foi realizado durante os estádios de floração e grão ervilha utilizando a mistura de Plus® 3,0 kg.ha-1 ou Fortific HF® 4,0 L.ha-1 com os fungicidas Poliram® 3,0 kg.ha-1, Cabrio Top® 2,0 kg.ha-1, Forum® 0,5 kg.ha-1 ou CopperCrop® 1,0 L.ha-1.

A severidade da doença foi avaliada em cada parcela nas três plantas centrais. No ensaio 1 (2016/2017), todos os produtos testados apresentaram, na última avaliação, índice de doença significativamente menor ao encontrado na testemunha. No ensaio 2 (2017/2018), a severidade do míldio foi menor nos tratamentos Fortific HF® + CopperCrop® nas avaliações iniciais. Por outro lado, essa doença foi melhor controlada a partir de 04/12/2017 (ID 5), nos tratamentos Fortific HF® ou Plus® associado aos fungicidas. O cálculo da AACPD corroborou que a associação de Fortific HF® ou Plus® com fungicida resultou em menores intensidades do míldio em videira.